Sabedoria clama nas encruzilhadas, junto ao caminho.

Não clama porventura a sabedoria, e a inteligência não faz ouvir a sua voz? No cume das alturas, junto ao caminho, nas encruzilhadas das veredas se posta.” Pv. 8:1,2

Sabedoria é diferente de inteligência. Amo o livro de provérbios, meu capítulo preferido é o oito. Já meditei nesses primeiros versos algumas vezes e já clamei pela sabedoria em minhas encruzilhadas.

Encruzilhadas são aqueles lugares onde qualquer direção: norte, sul, leste ou oeste, estão disponíveis. Certamente os momentos em que estamos mais perdidos diante das circunstâncias e possibilidades, são aqueles em que todas as opções parecem viáveis. É exatamente nesse lugar que a bíblia diz que a sabedoria se encontra.

A imagem que vejo deste texto é de um Deus literalmente assentado nos entroncamentos. Ele nos observa e espera pacientemente por nosso pedido de socorro. Aliás, um gesto nosso em Sua direção é suficiente, para que Ele aponte a escolha correta que nos conduzirá com mais rapidez ao nosso destino.

Usamos com frequência, no trânsito, o GPS para nos direcionar. O Espírito Santo é uma espécie de GPS, já que recalcula nossas rotas. Já recalculou as minhas inúmeras vezes. O aprendizado pressupõe o erro. Por isso, não conclua que fará o trajeto sem desvios ou retornos. A sabedoria, porém, está à nossa disposição.

Certamente ser sábio incluirá lidar com naturalidade quando erramos. Pedir perdão e renovar a mente é igualmente necessário. Eventualmente precisaremos desaprender para reaprender. O verso 10 fala: “…aceitai a minha correção, e não a prata; e o conhecimento, mais do que o ouro fino escolhido.” Portanto, aceitar a correção é ser sábio. Inegavelmente, só admite a correção quem reconhece o erro.

O verso 12 nos diz que a sabedoria habita com a prudência. Afinal a sensatez é característica de sábios. A sabedoria nos poupará de dar algumas voltas a mais no deserto. Servimos a um Deus que tem prazer em nos atender. Ele ama aos que o amam (v. 17).

Quando inclinamos voluntariamente nossos ouvidos em Sua direção, Ele nos instrui. Nos ensina a escolher corretamente. Seja qual for a estação de sua vida, saiba que a sabedoria está à sua disposição. Não desperdice a oportunidade de acessá-la. Corrija os rumos de sua jornada com seus conselhos.

Mas a sabedoria que vem do alto é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia.” Tg 3:17

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Este post tem um comentário

  1. Igreja MDC Ministério de Cristo

    Parabéns pelo trabalho. Deus proporcionará os frutos, para satisfação plena do Filho em seu penoso trabalho.

Deixe uma resposta