FHOP

Vencendo a imoralidade

Identidade

 

Gosto de mediar sobre santidade. E sei da importância de lutar contra a imoralidade, que está cada vez mais crescente em nossa geração. Adoração e santidade foram assuntos que fundamentaram a minha jornada cristã. Não sou uma pessoa muito velha, mas lembro que na minha adolescência fui discipulada fortemente, em como viver em santidade.

E me peguei pensando naquele tempo, onde eu queria crescer em santidade. Bom, você precisa concordar comigo, quando se é adolescente as coisas são mais intensas. Quando se mais jovem tudo é como se fosse “viver ou morrer”, 8 ou 80. Lembro-me da intensidade de viver em santidade. E, de como meu coração era vigilante em viver de maneira santa.

Gostaria de ampliar um pouco o nosso entendimento do que é santidade. E viver intencionalmente uma vida que honre Jesus. Muitas vezes, limitados santidade no simples fato de ser apenas um pecados sexuais. Ou até mesmo, generalizamos a imoralidade em não tocar alguém de maneira inapropriada. Mas, quando vemos Jesus falando sobre ser santo, ele mostra que viver em santidade é muito além do que isso.

Viver em santidade. Colocar energia em viver como Jesus.  É importante entender que  precisamos vencer a imoralidade. Só que para isso, é importante entender o que consiste em viver na imoralidade. O Imoral é um adjetivo que se utiliza para evocar aquele ou aquilo que se opõe à moral. A moral, por sua vez, é formada pelo conjunto dos valores. Em costumes, crenças e das normas de uma pessoa.

Em particular gosto de como Jesus está ensinando o povo em Mateus 5. De como é a maneira correta de se viver. Jesus mostra que em uma sociedade é importante que saibamos qual o caráter correto a ser vivido. E ele usa a sua vida para mostrar e ensinar.  No reino de Jesus, há uma conduta para se viver, existem princípios que precisam ser honrados.  E nesse reino viverão pessoas santas, como Ele é santo. Em seu reino de amor vivem aqueles que detestam a imoralidade, assim como Ele detesta.

E uma das formas de vivermos em santidade é entendendo que precisamos  vencer qualquer tipo de imoralidade. Quando Jesus está ensinando sobre imoralidade, Ele não está falando no ato de cair em um pecado. Jesus não estava dando um ensino compreensivo sobre libertação de vícios sexuais. Mas, estava focando em dois dos mais importantes e negligenciados princípios.

Primeiro, a  imoralidade não começa em uma ação, mas nos olhos e então move-se para o coração. Segundo, nós devemos ser radicais, e se preciso for devemos tomar decisões dolorosas para remover o que desperta a luxúria.

“Vocês ouviram o que foi dito: ‘Não adulterarás’. Mas eu lhes digo: qualquer que olhar para uma mulher para desejá-la, já cometeu adultério com ela no seu coração. Se o seu olho direito o fizer pecar, arranque-o e lance-o fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ser todo ele lançado no inferno. E se a sua mão direita o fizer pecar, corte-a e lance-a fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ir todo ele para o inferno”. Mateus 5:27-30

Jesus está falando que tudo começa na nosso coração. Você compreende que quando Ele ensina sobre esse assunto. Jesus quer que entendamos quão destrutiva e enganosa é a natureza do espírito de imoralidade. Ele quer que tenhamos proveito da revelação que Ele enfatizou, “Pois é melhor para Ti.” Ele sabia que aqueles que vivem em pureza verão ou encontrarão a Deus. De uma maneira profunda e digna.

A imoralidade opera para denegrir qualquer um que abra a porta. Todos nós nascemos com uma natureza pecaminosa. Satanás quer nossas fraquezas para transformá-las em maldade, mas ele precisa da nossa cooperação.

Ele quer envenenar nosso espírito e aprisioná-lo. Imoralidade é perigosa porque cresce e torna-se incontrolável. As pessoas pensam que podem “lidar com um pouco de imoralidade.” E então controlá-la mais tarde.

  Elas não entendem o poder de um coração frio, de uma mente escura e consciência contaminada.  A imoralidade aumenta a corrupção do coração, a vergonha, a opressão e a perversão. imoralidade leva ao julgamento. 

“ Fugi da imoralidade. Qualquer outro pecado que o homem comete é fora do corpo;mas quem pratica a imoralidade peca contra o seu corpo.”  1 Coríntios  6:18

Meus amigos, embora a cultura esteja mudando, Deus não está. As trevas têm aumentado. Corrupção tem crescido cada vez mais no coração do homem. Mas quando nos aproximamos do trono da graça podemos pedir por ajuda. Pois onde abundou o pecado multiplicou a graça de Deus em nossas vidas. Que sejamos um povo que está vencendo. Que sejamos santos como Ele é santo. Jesus continua a nos ensinar. Ele deixou a sua palavra para que mesmo em dias como hoje, onde tudo está corrompido possamos nos voltar para Ele. Onde podemos sondar o nosso coração e pedir por ajuda.

 

Escrito por Elohana Negreiros

Vinda das terras gaúchas, Elô é hoje missionária em tempo integral em Florianópolis. Ama as escrituras, e, assim como Davi, deseja contemplar a beleza de Deus e tem experimentado a grandiosidade de viver para a audiência de apenas um. Ela tem colocado todas as suas energias no cultivar de um relacionamento profundo Com o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Comentários

comentários

Pin It

» Identidade » Vencendo a imoralidade
Em 13 de outubro de 2017
, ,

Commentários desabilitados.

« »