Você também deseja conhecê-Lo? Mas, como conhecer a um Deus inescrutável? Que olhos não podem ver e nem há plena compreensão dos seus caminhos? Pois somos homens, limitados em ações e pensamentos, e Deus é o Criador do Universo.

Ao voltarmos a Sua Palavra, podemos perceber que sobre nós há um convite bem explícito, um desafio que faz todo o sentido e, até mesmo uma ordenança, de que prossigamos em conhecê-Lo. De que o busquemos de todo o nosso coração e nos satisfaremos n’Ele. Um Deus que não se pode sondar, mas deixa-Se conhecer por amor. Sim, sem dúvida, podemos conhecê-Lo.

Davi falava sobre essa verdade. Ele amava o Senhor, e mesmo a despeito de suas falhas e pecados, encontrou o coração do Pai. A ele foi revelado segredos insondáveis, sobre o passado e o futuro. E no seu presente aprendeu sobre força e fé. Foi tirado de trás das malhadas para se tornar um principe em Israel. Um homem segundo o coração de Deus… você imagina os motivos que o levaram a ter esse título? Em seus lábios repousou certo salmo que dizia:

“A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança.” Salmos 25.14

“O Senhor confia os seus segredos aos que o temem, e os leva a conhecer a sua aliança.” Salmos 25.14

Deus quer nos contar os planos que tem, sobre nós, sobre a terra e todas as coisas que está a fazer. Podemos conhecer Seu Caráter, Bondade e Fidelidade. Podemos conhecer a Paternidade do Seu coração, mesmo que a nós nos é limitada a visão.

Nos últimos anos temos falado muito a respeito de “Uma Coisa”, aquilo que realmente importa, o que é indispensável em nossas vidas. O cultivarmos a presença de Deus, o ansiarmos e buscá-Lo tão intensamente, mais do que qualquer outra coisa. Nesse processo, temos tidos bons momentos e também períodos de deserto e sequidão. Mas, é possível conhecê-Lo porque este é o desejo de Seu coração para cada um dos que amam a Deus.

Perseverança é a chave para uma vida de temor ao Senhor. Em dias que são bons e em dias que são terríveis, O buscamos. Quando sentimos e quando não sentimos. Não como legalistas e religiosos, mas como aqueles que confiam na Sua Palavra e que O amam de todo o coração. Como aqueles que sabem o que “Uma Coisa” significa.

De forma prática é preciso separarmos tempo para estar com o Senhor: em Oração, Meditação na Palavra e Adoração. Sim, fazemo-o em todo tempo, mas também é algo prático e um hábito a ser gerado em nossa agenda quando nos posicionamos em fechar a porta atrás de nós, para apenas estar com Ele.

Que nosso amor a Jesus não sejam meras palavras, que O conhecermos não seja apenas uma visão do futuro. Que a cada dia nosso amor se intensifique e que o desejo de estar a sós com Ele, se torna vivo em nós.

“Conheçamos e prossigamos em conhecer o Senhor; como a alva, sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como chuva serôdia que rega a terra.” Oséias 6.3

Nayla Cintra

Nascida em Mato Grosso, Nayla é missionária em tempo integral desde 2011, tendo já servido durante 4 anos na JOCUM (Jovens Com Uma Missão) e quase 2 anos como missionária intercessora no FHOP (Florianópolis House of Prayer). Atualmente dedica uma parte do seu tempo para ensinar artes para crianças em uma ONG em Florianópolis e outra parte do tempo para trabalhar com justiça social, com foco em tráfico humano. Nayla carrega um coração para pessoas em situação de vulnerabilidade social, ama o mundo artístico e criativo, é apaixonada por missões, mas tem como maior desejo ver o nome de Jesus sendo conhecido entre todos os povos e tribos da Terra.
×
×

Carrinho

Fechar