É tão bom poder desfrutar do prazer de conhecer a Deus que nos ama de forma incondicional com amor imensurável. Ele não apenas nos criou e nos deixou abandonados neste mundo, sem um propósito ou um “destino”. Ele tem um plano e esse plano é perfeito. Ele tem nos convidado a adentrar nesse propósito de conhecê-lo e nos tornarmos seus amigos e família.

Você já teve a sensação que a sua vida cristã é meio bipolarizada? Essa palavra está meio que na moda ultimamente não é mesmo? Às vezes temos lutado tanto com nossas emoções e instabilidades que nos sentimos assim, dias cheios de esperanças e dias um tanto incrédulos e duvidosos de tudo e todos, principalmente de nós mesmos.

Mas à medida que caminhamos com Deus nesse processo que conhecê-Lo mais e de compreendermos sua Palavra, a nossa fé e entendimento vai sendo cristalizado. Nossa maturidade no Senhor vai crescendo, nossos fundamentos sendo estabelecidos e nossa vida cristã firmada. Lembre-se: há prazer indescritível em conhecer a Deus.

Se nos atentarmos a nossos heróis bíblicos preferidos vamos perceber neles muito de nossa humanidade e do que desejamos nos tornar. Não podemos nos enganar quanto ao processo em que temos que nos submeter. Conhecer alguém leva tempo e um relacionamento passa por fases e estações. É ao passar pelos processos e testes que o amor é provado e aprovado.

Não que Deus esteja inseguro e precise da prova do nosso amor. Ele não está. Na verdade, Ele nos conhece melhor que nós mesmo. Na verdade, Ele sabe que nós podemos ir muito além do que nós mesmos acreditamos podermos ir. E muitas vezes nós é que nos surpreendemos no final de processo, porque independente do resultado nos deparamos com Sua Graça, Fidelidade, e por facetas do Seu caráter que nos é revelada de forma tão clara e tão amável.

Fico imaginando Jesus andando com os seus discípulos, tantas pessoas O seguiam. Como era a sua personalidade? O tom da sua voz? O calor do seu abraço? A melodia em suas canções? Como era o seu sorriso? O seu toque? A cor da sua pele? A expressão em seu olhar? Sua risada? Suas piadas? Sim, Ele tinha senso de humor. Sim, Ele tinha alegria, porque Ele é pleno no Pai, Ele é o Filho Amado em quem o Pai tem muito prazer.

Não perca o prazer de descobri-lo. De dia a dia conhecer a Deus, o Pai, o Filho e o Espírito. De estudar as escrituras com um coração cheio de amor e curiosidade santa. Não apenas para cumprir uma obrigação porque somos “crentes”, mas porque amamos a Deus e queremos passar o nosso tempo com Ele.

Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor; como a alva, a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva serôdia que rega a terra.” Oseias 6.3

Nayla Cintra

Nascida em Mato Grosso, Nayla é missionária em tempo integral desde 2011, tendo já servido durante 4 anos na JOCUM (Jovens Com Uma Missão) e quase 2 anos como missionária intercessora no FHOP (Florianópolis House of Prayer). Atualmente dedica uma parte do seu tempo para ensinar artes para crianças em uma ONG em Florianópolis e outra parte do tempo para trabalhar com justiça social, com foco em tráfico humano. Nayla carrega um coração para pessoas em situação de vulnerabilidade social, ama o mundo artístico e criativo, é apaixonada por missões, mas tem como maior desejo ver o nome de Jesus sendo conhecido entre todos os povos e tribos da Terra.
Fechar