Alguns anos atrás, em um domingo, acordei com um sussurro do Senhor me perguntando: Onde estão os Elias dessa geração? Onde estão os profetas?

Passou o dia inteiro repetindo essa pergunta, no final do dia eu disse: Senhor, eu não sei.

Então, ao ouvir minha pobre resposta, Ele começou a me contar coisas a respeito de profetas.

Me falou sobre alguns profetas, entre eles, Elias.  O Pai me contou que a diferença de Elias como profeta era que o Senhor assinava o que ele falava.

Observe esses versículos:

“Ora, Elias, de Tisbe, em Gileade, disse a Acabe: Juro pelo nome do Senhor, o Deus de Israel, a quem sirvo, que não cairá orvalho nem chuva nos anos seguintes, exceto mediante a minha palavra”. 1 REIS 17:1

“Depois de um longo tempo, no terceiro ano da seca, a palavra do Senhor veio a Elias: Vá apresentar-se a Acabe, pois enviarei chuva sobre a terra”. 1 REIS 18:1

O diferencial a respeito desse profeta era a parceria que ele tinha com o Senhor, ao ponto de Deus assinar embaixo das palavras de Elias.

Elias foi um profeta com uma vida marcada por orações poderosas que definiram a história, ele foi eficaz no lugar secreto e isso ficava claro em público.

Vamos falar sobre Jeremias, estudei esse profeta durante um tempo da minha vida e Deus me apontou algumas coisas, sua coragem, entrega, e o mais incrível que Deus me falou, foi que para todo profeta existirá o tempo de cisternas e vales, mas o tempo de honra virá, pois contra a unção que você carrega não há argumentos.

Jeremias sofreu muito durante sua vida, mas esse grande profeta viu suas profecias serem cumpridas.

“Mas Nabucodonosor, rei da Babilônia, deu ordens a respeito de Jeremias a Nebuzaradã, o comandante da guarda imperial:

Vá buscá-lo e cuide bem dele; não o maltrate, mas faça o que ele pedir”. Jeremias 39:11,12

Agora quero falar de uma mulher que além de profetiza, foi juíza.  Débora, é um exemplo a ser seguido, porque sua coragem a fez prevalecer até mesmo em meio a  guerra. Uma mulher que era procurada para dar conselhos para todo um povo.

“Débora, uma profetisa, mulher de Lapidote, liderava Israel naquela época.

Ela se sentava debaixo da tamareira de Débora, entre Ramá e Betel, nos montes de Efraim, e os israelitas a procuravam, para que ela decidisse as suas questões.” Juízes 4:4,5

Homens tentaram calar a voz de Elias, Jeremias e tantos outros, mas sua voz foi ouvida e ainda é hoje, porque eles  deixaram uma marca na história através de suas palavras e de suas orações poderosas.

Esses homens e essa mulher e tantos outros que nem famosos são, tiveram um diferencial, sua vida de intimidade e sua paixão por viver plenamente o que foram comissionados.

Tenho orado por profetas que sejam uma voz dos céus, que marquem vidas através de sinais e maravilhas.

Tenho orado pelos profetas dessa geração, homens que serão ousados como João Batista, íntegros como Daniel.

Eu acredito que profetas voltarão a impactar povos e nações. Eles sairão dos lugares mais remotos e improváveis e serão novamente conselho de reis e governantes.

Tenho andado numa longa jornada a respeito de orações proféticas, e uma das grandes conclusões que tenho feito é que orar e buscar dos céus uma palavra é um ato de amor que pode mudar destinos.

Tenho uma convicção  de que o Senhor está movendo sobre as nações da terra e os profetas estão se levantando para ser novamente uma influência no Reino.

Eles voltarão a orar com poder de Deus, falarão com tanta verdade e unção que você poderá ver suas palavras se cumprirem.

Então, acredito que hoje você possa encontrar um profeta no meio das crianças em algum lugar na África, uma grande profeta em algum povoado na China, entre as ruas de alguma cidade na Alemanha ou até mesmo na região ribeirinha da nossa nação.

Profetas estão novamente se movendo na história e suas orações poderosas irão mudar circunstâncias e sua voz será como uma trombeta a tocar.

“Que mais direi? Não tenho tempo para falar de Gideão, Baraque, Sansão, Jefté, Davi, Samuel e os profetas, os quais pela fé conquistaram reinos, praticaram a justiça, alcançaram o cumprimento de promessas, fecharam a boca de leões, apagaram o poder do fogo e escaparam do fio da espada; da fraqueza tiraram força, tornaram-se poderosos na batalha e puseram em fuga exércitos estrangeiros.” Hebreus 11:32-34

Você consegue conter o fogo ou o vento? Dificilmente. O mesmo acontece quando um homem ou uma mulher tem  um chamado para mudar destinos através de orações poderosas. Então, minha oração hoje é para que se levantem e se apresentem os profetas chamados por Deus para incendiar o mundo com suas palavras.

Dudi Aline

Nascida no Rio Grande do Sul, mas missionária em tempo integral há dois anos, na Florianópolis House of Prayer, Dudi acredita que do lugar de oração podemos mudar as circunstâncias. Apaixonada pelo mover profético e pelas nações, tem doado seus dias para que a realidade dos céus invada a terra e o sobrenatural se torne parte de cada um que está ao seu redor.

Deixe uma resposta

×
×

Carrinho

Fechar