“Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo. ” Apocalipse 3.20

O Maravilhoso Deus ama se revelar, Ele quer se fazer conhecido. Ele esconde muitos segredos de homens sábios e reis poderosos e simplesmente escolhe mostrar seus mistérios a pessoas tão comuns como eu e você. Ele nos chama a prosseguir em conhecê-lo e se colocando à porta nos diz: “Sim, estou aqui para conversar enquanto comemos”.

Pense agora nos melhores amigos que você tem, e como é bom quando se encontram para partilhar gostosas refeições. Há tanto barulho e liberdade diante da mesa, brincadeiras e sorrisos. Há amor e alegria, além do prazer de estarem juntos. São nesses momentos que alma e coração são alimentados, não apenas corpo físico, mas sublimes sentimentos e emoções co-criados. Da mesma forma o nosso espírito se torna vivo porque Jesus sopra sobre nós o fôlego de sua presença.

Comer é algo tão cotidiano, não é mesmo? Todos os dias fazemos as nossas refeições, é necessário, é imprescindível para nosso fortalecimento e para a vida. E essa é a figura que Ele se utiliza para dizer que todos os dias Ele quer estar conosco. Basta apenas abrirmos o nosso coração e deixar que Ele entre, e Ele estará cotidianamente em nossa mesa.

“Se alguém ouvir a minha voz” – Nossa capacidade de ouvir precisa ser apurada, porque de fato Ele é um Deus que fala, mas nossas inseguranças e medos podem fazer calar sua voz, sem falar na descrença que sentimos quando muitas vezes inconscientemente duvidamos de seu amor por nós, e queremos tomar a força ou por merecimento o que Ele nos deu na cruz.

Como ouvi-lo? Como vê-lo? Como senti-lo? Como deixar que Ele participe todos os dias, em todos os momentos? Deus não é um Deus carente, Ele não está desesperado a porta pedindo por atenção. Mas Ele nos dá o privilégio de caminhar com Ele e vivermos em amor, mas precisamos ouvir a sua voz.

Lembre-se: você tem liberdade para entrar no Santo dos Santos, o véu se rasgou. Pelo sangue de Jesus há acesso a sala do trono. Há um lugar de paz onde podes descansar. Ache o seu melhor lugar, não apenas externamente, mas dentro de seu próprio interior. Deixe que o Espírito de Deus que habita em você o leve a esse lugar de entendimento e de revelação do caráter de Jesus. Tome o livro de amor em suas mãos, sim, abra a sua Bíblia e deixe que o Espírito Santo de Deus te guie nessa aventura maravilhosa de conhecê-Lo, de sentar-se à mesa junto d’Ele apenas para cear.

Nayla Cintra

Nascida em Mato Grosso, Nayla é missionária em tempo integral desde 2011, tendo já servido durante 4 anos na JOCUM (Jovens Com Uma Missão) e quase 2 anos como missionária intercessora no FHOP (Florianópolis House of Prayer). Atualmente dedica uma parte do seu tempo para ensinar artes para crianças em uma ONG em Florianópolis e outra parte do tempo para trabalhar com justiça social, com foco em tráfico humano. Nayla carrega um coração para pessoas em situação de vulnerabilidade social, ama o mundo artístico e criativo, é apaixonada por missões, mas tem como maior desejo ver o nome de Jesus sendo conhecido entre todos os povos e tribos da Terra.

Deixe uma resposta

×
×

Carrinho

Fechar