Hoje iremos abordar um pouco sobre Tiago 1 e as lições que podemos tirar desta porção das Escrituras. 

Logo no começo, o livro de  Tiago já nos confronta ao falar que precisamos considerar motivo de grande alegria  estarmos passando por provações. 

Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, Tiago 1:2 

Vamos ser sinceros, é algo completamente difícil encontrarmos motivos para nos alegrar em meio as provações. 

Quando a doença apareceu, quando perdemos alguém que amamos ou  até mesmo em momentos que  não temos dinheiro para pagar nossas contas.  Como podemos encarar isso como motivo de alegria? 

No calor das provações, como encontrar motivo de alegria? 

Uma das coisas que precisamos aprender, é mudar nossa ótica para uma que entende que homens e mulheres de Deus  precisam ter olhos nas coisas eternas . 

Você entende que seu Deus é maior que as enfermidades, falta de dinheiro, perseguições ou até mesmo morte. 

Precisamos pedir que Deus revele a nós o tamanho da sua grandeza,  poder e, então, poderemos entender que as provações irão produzir uma fé maior e mais forte.

Tiago 1, fé que produz perseverança 

“pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança. E a perseverança deve ter ação completa, a fim de que vocês sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa alguma.” Tiago 1: 3,4 

Sua diferença neste mundo será real quando o dia mau chegar, este dia você precisa estar pronto e apto para mostrar uma fé madura. 

Deus sabe exatamente aquilo que podemos suportar e o que não podemos. Se algo não irá te levar a uma vida madura e íntegra, isso nem deveria estar tomando lugar em sua vida. 

Vamos ser bem sinceros, em dias bons tudo é fácil e lindo, nós amamos a Deus e ao nosso próximo. 

Dias bons não irão produzir uma fé viva, mas dias maus irão produzir isso. 

Todos nós iremos passar por dias terríveis e tristes, isso se chama vida.  Mas a diferença é que você irá passar tudo isso ao lado daquele que criou você e sabe o que pode te ajudar a passar. 

Deus nos chamou para transformar o mundo que nos cerca através da nossa fé e da nossa vida com nosso Senhor. 

Uma fé que é um exemplo

Nossas vidas precisam estar de acordo com aquilo que nós falamos. 

Sejam praticantes da palavra, e não apenas ouvintes, enganando-se a si mesmos. Aquele que ouve a palavra, mas não a põe em prática, é semelhante a um homem que olha a sua face num espelho e, depois de olhar para si mesmo, sai e logo esquece a sua aparência. Mas o homem que observa atentamente a lei perfeita que traz a liberdade, e persevera na prática dessa lei, não esquecendo o que ouviu mas praticando-o, será feliz naquilo que fizer. Tiago 1:22-25

Uma fé viva está completamente ligada a uma vida mergulhada profundamente na palavra de Deus. 

Uma fé viva é ativa,  e para que isso ocorra será preciso que você e eu passemos por provações. 

A questão não é se passaremos ou não por elas, mas como iremos nos comportar durante este tempo. 

Finalizo este texto orando por nós para que sejamos aprovados mesmo em meio as provações e que isso produza uma fé viva. Amém!

Dudi Aline

Dudi é apaixonada pelo mover profético e pelas nações. Ela acredita que, do lugar de oração, qualquer circunstâncias pode ser transformada. Dudi tem doado seus dias para que a realidade dos céus invada a terra e o sobrenatural se torne parte de cada um que está ao seu redor. Nascida no Rio Grande do Sul, Dudi foi missionária por mais de três anos na fhop - Florianópolis House of Prayer. Atualmente, ela vive em missão na Europa, lugar que o Senhor colocou em seu coração há mais de 10 anos.

Deixe uma resposta