O quanto sua vida diante de Deus faz com que outros sintam-se motivados à mudanças? Qual o seu poder de influência sob outras pessoas a ponto de entregarem suas vidas a Cristo?

“E, vendo seus senhores que a esperança do seu lucro estava perdida, prenderam Paulo e Silas, e os levaram à praça, à presença dos magistrados. E, apresentando-os aos magistrados, disseram: Estes homens, sendo judeus, perturbaram a nossa cidade,”. Atos 16:19-20

A princípio, o que este texto nos revela é que Paulo e Silas, sendo judeus, perturbaram a cidade.

Bom, aqueles que pediam para que Paulo e Silas fossem presos faziam acusações falsas. Acusações como as que foram feitas contra Jesus, e depois contra Estêvão. Paulo e Silas pregavam sobre um evangelho verdadeiro e reto.

Algo que gosto de destacar é o estilo de vida que o apóstolo Paulo vivia. Portanto, ele foi  um homem que foi transformado pela verdade de Cristo e que se tornou escravo de Cristo para que outras pessoas, outros povos fossem encontrados pela verdade que impactou a sua vida.

Paulo foi um homem de fé

“E, havendo-lhes dado muitos açoites, os lançaram na prisão, mandando ao carcereiro que os guardasse com segurança. O qual, tendo recebido tal ordem, os lançou no cárcere interior, e lhes segurou os pés no tronco.”  Atos 16:23,24

Assim, o apóstolo Paulo mais uma vez foi preso e mais uma vez foi açoitado.  E novamente ele não esmorece em sua fé, e na perseverança em declarar as verdades celestiais. E essa foi apenas umas das vezes que Paulo foi preso por causa do evangelho. A bíblia nos fala que Ele foi açoitado, apedrejado, sofreu naufrágio, passou fome e sede, passou perigos, frio e nudez. E mesmo assim sua vida foi para gloriar-se no Senhor.

As escrituras nos contam também que o apóstolo Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus e outros presos os escutavam e esta  palavra traduzida por “escutavam” significa “ouviam com prazer”, como que se ouvissem uma linda canção. Certamente em tempos de escuridão, a luz do testemunho cristão brilha mais intensamente.

Estes homens estavam presos e em seus lábios não haviam murmurações nem contendas.

Eles entendiam que eram filhos de Deus e que precisavam ser encontrados puros e irrepreensíveis diante do Pai. Eles também estavam vivendo em uma geração corrompida e perversa, mas que se permanecessem fiéis, resplandeceriam como estrelas no mundo.

“E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam. E de repente sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos.”Atos 16:25,26

Que é preciso fazer para ser salvo?

E foi isso que aconteceu. Atos 16 nos revela que as canções foram ouvidas, não apenas pelos outros prisioneiros ali presentes, mas Deus ouviu e um forte terremoto fez abrir a cadeia. E todos foram livres. As canções e as orações foram ouvidas e poder do alto foi liberado. A história continua e nos conta que o carcereiro se desespera pensando que todos haviam fugido.

Segundo a lei romana, a pena para um guarda que deixasse um prisioneiro escapar era a morte. Prevendo que todos os prisioneiros tivessem escapado, o carcereiro pensou que certamente iria morrer. Mas Paulo mostra para aquele homens que eles não fugiram. Então, o homem pergunta: O que é necessário para que me salve? E Paulo mais uma vez ministra sobre Jesus. Em meio a tudo que estava se passando, ele ministra sobre o salvador.

Os eventos que aconteceram durante a prisão de Paulo e Silas, a forma como eles aceitaram o sofrimento e os atos poderosos de Deus, fizeram com que o carcereiro caísse de joelhos, reconhecendo finalmente que precisava de salvação.

“E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa.” Atos 16:31

Mas como ele poderia reconciliar-se com Deus? A resposta de Paulo e Silas foi muito simples: somente crê no Senhor Jesus Cristo. Não era preciso fazer mais nada. O carcereiro e a família dele confiaram em Deus e na mesma hora expressaram sua fé ao serem batizados.

O convite é para que nós possamos viver nas verdades de Cristo e que independente do sofrimento que nos acontecem, possamos ser aqueles que declarem a salvação que vem por meio no nome do filho de Deus. Seja você aquele que transformará a realidade a sua volta, no seu trabalho, faculdade e até mesmo no ministério. Seja você uma influência para os que estão ao seu redor.

 

Elohana Negreiros

Vinda das terras gaúchas, Elô é hoje missionária em tempo integral em Florianópolis. Ama as escrituras, e, assim como Davi, deseja contemplar a beleza de Deus e tem experimentado a grandiosidade de viver para a audiência de apenas um. Ela tem colocado todas as suas energias no cultivar de um relacionamento profundo Com o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Deixe uma resposta

×
×

Carrinho

Fechar