O reino de Deus é eterno e Ele é imutável. Pense um pouco sobre essa frase. Entender e saber disso nos traz segurança e paz. Então, primeiramente, vamos entender como esse aspecto de providência de Deus acontece.

Para proclamar aos filhos dos homens os teus feitos poderosos e o glorioso esplendor do teu reino. O teu reino é um reino eterno; o teu domínio dura por todas as gerações.(Salmos 145: 12-13)

Deus, o Filho e o Espírito governam juntos 

Deus, como eterno e imutável Criador de todas as coisas, é também Aquele que sustenta, rege, governa e preserva sua criação. Por isso, pensar em providência divina é pensar na ação contínua de Deus através da qual Ele preserva a sua criação, conduzindo-a aos propósitos reservados para ela.

Contudo, não estamos falando só de Deus Pai mas também do Filho e do Espírito, ou seja, da Trindade em si, conforme todo o capítulo 1 de Colossenses ou então como Hebreus 1:3 diz que o Filho é o esplendor da glória do Pai e sustenta todas as coisas pela palavra do seu poder. Jesus sempre foi Deus (Jo 1:1; Cl 1:15; Hb 1:15) e Ele sempre possuiu toda glória e louvor no céu, assim como o Pai e o Espírito Santo, Ele sempre reinou sobre o universo. Para compreendermos melhor isso. Vamos ler essa citação de F.F. Bruce:

“Não existe a questão de Cristo tentar arrebatar, ou apoderar-se da igualdade com Deus: ele é igual a Deus, porque o fato de ele ser igual a Deus não é usurpação; Cristo é Deus em sua natureza. Tampouco existe a questão de Cristo tentar reter essa igualdade pela força. A questão fundamental é, antes, que Cristo não usou sua igualdade com Deus como desculpa para auto-afirmação, ou autopromoção; ao contrário, ele a usou como ocasião para renunciar a todas as vantagens ou privilégios que a divindade lhe proporcionava, como oportunidade para auto-empobrecimento e auto-sacrifício sem reservas.”

Então, quando falarmos sobre Deus, pense na ação da Trindade.

Deus tem decretos para a sua criação, ele tem o plano da redenção, cada coisa vai acontecer para o seu propósito,  por isso é imutável. Ele mantém tudo existindo e funcionando. Cristo por meio da sua palavra está sustentando todas as coisas. (Cl 1:17 e Hb 1:3) .

Deus preserva Seu reino eterno

“Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas? E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura? E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam; E eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé?” Mateus 6:26-30

Portanto, ao lemos essa passagem, vemos como Deus sustenta e preserva Toda a criação, a natureza e  principalmente as nossas vidas.

Sendo assim, Deus está nos preservando à Vontade Dele. Acordamos e dormimos porque Ele está nos guardando. Esse é o governo Eterno Dele, ele está dirigindo toda história. “O reino de Deus e a Sua justiça” faz provisão para cada detalhe de nossas vidas (Mt. 6:31-33). Nossa confiança e chamado está incluído no cântico maravilhoso, que “os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre” (Apocalipse 11:15).

Vamos ver alguns exemplos:

“Deus governa a natureza para seu propósito;” Salmos 135:6-7

“Ele controla as estações da natureza mas também os reis e o rumo das nações. Está sob seu controle os reinos da terra;” Daniel 2:21

“Deus afirma que Ele fará tudo o que lhe agrada, seu plano será cumprido. Ele chamará tanto a natureza, ao citar a ave de rapina, quanto o homem. Esse versículo nos mostra como Deus é fiel em sua palavra.” Isaías 46: 10-11

Seguros  em um Deus eterno e imutável

Dessa forma, ao pensarmos que os reinos vêm e vão, e que poderes caem, que o governo Dele nunca passará e nem mudará, torna nossas vidas seguras. E Ele é bom em seu governo. Deus é soberano e imutável, não está abaixo de leis e normas, Ele faz o que quer. Por isso podemos confiar e nos submeter a Ele. Pois é imutável, eterno e constante. Nele está toda a segurança que tanto buscamos para as nossas vidas. Creia que Deus está cuidando e preservando sua vida, para Os propósitos Dele.

Nesse sentido, Paulo ensina: “Porque convém que reine até que haja posto a todos os inimigos debaixo de seus pés”, concluindo com a derrota da própria morte na ressurreição geral (1Co. 15:25- 26). Todas que se opuserem, serão sobrepujados pelo Rei. Jesus Cristo ensinou Seus discípulos a orar: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu” (Mt. 6:10). Essa oração é uma lembrança contínua a nós que a vinda do reino significa fazer a vontade de Deus, e que o reinado de Cristo (Seu reino) por meio da nossa obediência chega precisamente aqui sobre a terra. O Salvador ressurreto e vitorioso disse de Si mesmo: “É-me dado todo o poder no céu e na terra” (Mt. 28:18).

Por fim, saber que Ele é um rei Eterno nos faz caminhar confiante de que nEle nós veremos o cumprir de todas as suas palavras, pois Ele é fiel e imutável.

“Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação.” Tiago 1:17

 

Angela Tartas

Angela Tartas é uma escritora apaixonada pelas escrituras. Dessa paixão, surgiu a vontade de dedicar parte do seu tempo ao estudo da Palavra. Atualmente ela é aluna da nossa escola de teologia e ministério (ETM). Formada em contabilidade, Angela serve como missionária, onde atua no departamento financeiro da fhop.

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

×

Carrinho